Mostra à francesa - Descobrir outro lugar (63’) - 20/12, 17h00

PNGEm Parceria com a Embaixada da França no Brasil e com o Institut Français, a mostra Descobrir outro lugar reúne nove documentários em animação – produzidas com diferentes técnicas e que levam o espectador a explorar territórios e cenários, conhecer novas culturas e vivências, apostando em cores, grafismos e sons para discutir e explicar algumas das localidades visitadas.

Os pés verdes (Les pieds verts) 2012
Dir: Elsa Duhamel. 4’10
Jeanine e Alain, franceses de origem argelina, vivem no norte da França, onde criaram um jardim mediterrânico.

O linguado entre a água e a areia (La Sole entre l’eau et le sable) 2011
Dir: Angèle Chiodo. 15’
O linguado é um peixe assimétrico. Recentemente, uma equipe de pesquisadores tentou explicar esse enigma da evolução. O documentário apresenta essa aventura.

Miniyamba (2012)
Dir: Luc Perez. 14’35
Como milhares de pessoas que todos os dias abandonam sua terra natal, Abdu, um jovem do Mali, decidiu vencer na Europa, encarando uma viagem do Rio Níger aos arames farpados de Ceuta – onde os sonhos são confrontados com a dura realidade dos migrantes, vendo as luzes do Ocidente à distância.

Pinchaque, a anta colombiana (Pinchaque, le tapir colombien) 2011
Dir: Caroline Attia-Larivière. 5’
Pinchaque é uma espécie de anta descoberta por dois cientistas franceses no século 19, durante uma expedição na Colômbia. De Paris a Bogotá, o filme vai ao encontro deste animal, importante para a preservação da biodiversidade e em sua relação com as comunidades locais.

Lwas 2012
Dir: Mathilde Vachet. 2’20
“Lwas” significa espíritos na religião vodu. O curta tenta capturar a magia de um ritual, com suas cores, paixões e mistérios.

Nadira e a malva (Nadira et la Mauve) 2014
Dir: Sabine Allard e Marie-Jo Long e Rémi Dumas. Ani, 3’, livre
A história de uma menina e sua relação especial com uma planta que cresce selvagem ao entre as calçadas de Marselha: a malva. Este é o primeiro de quatro filmes de uma série chamada “Colhendo frutos, urbanidade pela raiz”.

Mustafá e a clematite (Mustapha et la clématite) 2014
Dir: Sabine Allard, Marie-Jo Long e Rémi Dumas. Ani, 3’44
Nascido em Casablanca (Marrocos), Mustafá é uma criança travessa que viveu na cidade seus primeiros anos de liberdade. A experiência serve de referência quando ele chega à França, com suas diferenças e limites.

Meu irmãozinho da Lua (Mon petit frère de la Lune) 2007
Dir: Frédéric Philibert. Ani, 6’
Uma menina tenta entender porque seu irmão mais novo (autista) não é como as outras crianças e dá sua versão dos fatos.

No primeiro domingo de agosto (Au premier dimanche d’août) 2001
Dir: Florence Miailhe. Ani, 11’
Na noite do baile de verão, toda a aldeia está reunida. Do pôr do sol ao amanhecer, a música se sucede, do rock ao tango, das baladas às valsas.

publié le 17/12/2015

haut de la page