Curso de formação para detecção de falsificação de documentos na Embaixada da França em Brasília.

Em 28 de setembro de 2016, o Serviço de Segurança Interna, representante do Ministério francês do Interior, organizou um curso de formação para detecção de falsificação de documentos na Embaixada da França em Brasília. A apresentaçao inicial foi feita pelo Adido de Segurança Interna, o Comissário Thierry Guiguet-Doron.

A instrutora, Christine DEC, Oficial de Ligação de Imigração, lotada em São Paulo, apresentou aos alunos o regulamento para entrar no espaço Schengen, a segurança na autenticidade dos documentos e vários métodos para detecção de falsos documentos de viagem ou identidade.

Os alunos eram agentes da Polícia Federal do aeroporto de Brasília, e também das companhias aéreas, incluindo a LATAM.

Há dois anos, os treinamentos são realizados anualmente nas cidades consideradas mais sensíveis ao diferentes tráficos (pessoas e entorpecentes), como Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Salvador, Fortaleza e brevemente em Macapá

O financiamento para este treinamento é feito por um programa europeu.

Esta cooperação técnica permite a troca dos tipos de fraude e facilitar as relações entre a Polícia Federal brasileira e a « police ou la gendarmerie nationale françaises » (Polícia civil e Militar francesas).

O Capitão Bernard DELBE, também responsável por este setor no âmbito da SSI contribui para facilitar as relações entre as diferentes instituições e a cooperação operacional na luta contra o crime organizado.

JPEG
JPEG
JPEG

publié le 04/10/2016

haut de la page